Como cobrar por serviços 3D? (visão geral)


A prestação de serviços de impressoras 3D não é diferente de qualquer outro serviço, aliás, é muito, mas muito próximo do serviço gráfico em geral. Você tem opções de materiais, como quem tem opções de papel e tintas. Existem acabamentos nos dois processos, a película de verniz, o acabamento de acetona ou pintura na impressão 3D. Diversas tecnologias de impressão, nos dois meios.

Nos dois processos existem diferentes tecnologias para impressoras, laser, plotter, tinta, eletrólise, resinas. E nos dois mundos existem desencontros entre melhores práticas e necessidades versus expectativas dos clientes.

Maior resistência, ou melhor acabamento? Menor custo ou maior qualidade? Como posicionar o produto para melhor aproveitar o blanke/fita/envelope?

E como cobrar por esses serviços?

Quem é do meio gráfico, já sabe. Amortização do equipamento, margem de lucro, impostos, impostos, impostos, amortização de matérias primas. Diferente da impressão 2D, contudo, o mercado em 3D ainda não tem preços estabelecidos pelo mercado, não há uma média da concorrência. Quem entrega melhores peças ainda pode cobrar mais. Quem agrega valor com parque CAD, como no mercado 2D existe a oferta do bureau de Corel/Photoshop, pode cobrar mais. Quem entende o cliente, pode cobrar mais.



Anos atrás dei uma aula na Belas Artes sobre como definir o preço de serviços. Existe uma fórmula gigante que leva em conta dos copos plásticos de café do escritório, papel higiênico, aluguel do prédio, a até definição de lucro para 13 pagamentos contra 12 meses ao ano. Na prática é o seguinte, existe um número mágico. Veja em médica quanto custa para você ficar no mercado, defina um valor hora desse custo, e multiplique por quatro.

Assim, se seu gasto mensal for, digamos, 3000 reais entre aluguel, bens de escritório e amortização da impressora 3D em um ano, e você espera trabalhar 160 horas ao mês, seu custo hora é R$ 18,75. Para um valor asseguradamente lucrativo, o seu valor hora é de R$ 75,00.  Isso deve pagar as horas de espera da máquina parada, entre projetos, dar o lucro, e tem margem para choro. Se você agrega valor por CAD, conhece as boas práticas da impressão 3D, esse valor é bastante tranquilo para sua cobrança.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Converter JPG para STL grátis

5 erros a se evitar prestando serviços de impressão 3D

Tutorial sobre G-Code - parte 1