Usando a MakerBot na educação


 


Muitas pessoas me perguntam como utilizar a MakerBot na sala de aula. Bom, se o curso é fundamental, a resposta é fácil, existe um livro chamado "MakerBot na sala de aula", que eu particularmente tive a honra e o privilégio de revisar a edição em português.

Mas se o curso é técnico, o que o pessoal da Fundação Termomecânica, aqui em São Bernardo do Campo é impressionante. Eles adquiriram a MakerBot com a LWT Sistemas, uma MakerBot Replicator 5a Geração e um MakerBot Digitizer, e eles estão fazendo chover com essa maquinha unindo diversas disciplinas; Projetos, CAD, Automação Industrial, Programação e por fim, a impressão e montagem de um braço robô!

O Scanner eles aprimoraram a capacidade de captação, criando uma cúpula para a máquina, adicionando uma iluminação em LED e utilizando tinta spray (de cabelo, que sai com água) para diminuir reflexos excessivos na peça. Resultado: captação muito superior dos detalhes e excelência no uso em sala de aula.

A escolha da MakerBot se deve ao fato do desejo de incorporar a impressão 3D na sala de aula, mas sem o tempo perdido e a frustração de não conseguirem realizar impressões por que a máquina está mal calibrada, por que o filamento deu problema ou o cabeçote é difícil de operar e limpá-lo, quando necessário. Ao contrário, a MakerBot oferece todo o painel de customização de temperatura, velocidade de avanço, altura de camada, formas de preenchimento, mas com a garantia de resultados impressos com satisfação.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Converter JPG para STL grátis

5 erros a se evitar prestando serviços de impressão 3D

Tutorial sobre G-Code - parte 1