Novas MakerBot+ e Mini+




A MakerBot lançou no dia 20 de setembro suas novas máquinas, não uma sexta geração, mas um "MakerBot 5S", ou melhor, MakerBot Replicator +, com diversas melhorias de hardware e de software.



Em relação ao hardware, as mudanças são discretas na aparência, mas de impacto na estrutura da máquina: uma nova mesa de movimentação XY, mais rígida, precisa, rápida e silenciosa; uma nova mesa de construção de material aderente sem uso de fita ou colas, e de material elastomérico, permitindo torcer a mesa para remoção de peças, e por fim, uma mesa gigante para uma máquina desse porte: 295x195x165. Esse eixo de quase 30 centímetros coloco a máquina num novo patamar de uso, impulsionando ela de máquina de hobbie para máquinas semi profissionais, aliás, essa é a ideia por trás da nova plataforma de impressão 3D, Ideas in the making!


A MakerBot Mini+ também recebeu os mesmos upgrades de hardware, sua máquina tem um novo sistemas de movimentação XY, a mesa flexível e que não requer fita adesiva para a peça e o claro, a mesa de impressão cresceu! Agora ela tem 101x126x126mm! Ah, em tempo, ela perdeu sua indefectível portinha de acrílico, que era fadada a quebra mesmo... 





No campo do software, a MakerBot estréia sua nova plataforma de software, o MakerBot Print, Versão 1.0 (há quanto tempo você não usa algo na versão 1.0?), um software que dentre as suas maiores vantagens, esta não precisar mais de arquivos STL. Claro que ele ainda abre STL, mas agora ele também abre, nativamente, CATIA, UG/NX, Pro/E-Creos, SolidEdge, SolidWorks e Autodesk.

Ainda vamos falar só desse software numa versão futura, aguarde!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Converter JPG para STL grátis

5 erros a se evitar prestando serviços de impressão 3D

Tutorial sobre G-Code - parte 1